O craque e a bola

O futebol é um encontro de apaixonados. A bola, admirada e acompanhada com olhos atentos por milhares de torcedores, às vezes, pende caprichosa nos pés e nas cabeças daqueles que sabem lhe valorizar e corre para se aninhar nos fundos das redes, fugindo de goleiros impiedosos que teimam em negar-lhe o regaço do gol.

A bola conhece o craque, sabe da sua intimidade, compartilha dos seus desejos. Se ele, então, fez sacrifícios para estar com ela no momento sublime de uma Copa do Mundo, ela o procura, seja pelo alto, seja correndo junto à grama, açucarada, pedindo para ser empurrada para as redes.

Diante dos olhos atentos da torcida, o craque e a bola realizam a magia que enche os corações de alegria. O lançamento de trivela que faz a bola partir da intermediária cruzar o grande circulo do gramado e pousar suavemente nos pés do atacante, ficará retido na memória e será comentado pela eternidade, e quando perguntarem quem lançou e quem marcou o gol, todos dirão que foi o craque, em completa simbiose com a bola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *